sexta-feira, 15 de março de 2013

Saborear o património bracarense

A Semana Santa, o maior evento turístico de Braga na actualidade, vai ser aproveitada para promover também o património gastronómico da cidade.
O Bacalhau à Braga vai ser o prato principal servido em vários restaurantes da cidade que aderiram, em simultâneo, às iniciativas "Braga à Mesa" e Fim-de-Semana Gastronómico, que se realizam entre os dias 22 e 30 de março. Esta é uma iniciativa promovida pelo município de Braga, em parceria com a Entidade Regional de Turismo do Norte com a finalidade de promover a gastronomia local e atrair mais visitantes.
Além da famosa receita da Narcisa, vão ser servidas também pataniscas e bolinhos de bacalhau, acompanhado por vinho verde e pelo inevitável Pudim do Abade de Priscos.
Trata-se de uma excelente iniciativa para divulgar o vasto património gastronómico de Braga, atestando como é possível aproveitar o momento alto do calendário bracarense para potenciar outros recursos que a cidade pode oferecer a quem a visita.
Além das habituais iguarias associadas a Braga, sobram algumas receitas pouco explorados e em vias de desaparecimento como é a cabidela, frango à moda de Braga, o arroz de pato à moda de Braga, as fatias doces de Braga ou os doces outrora fabricados pelas freiras dos Remédios.
E que tal elaborar um roteiro gastronómico bracarense?

3 comentários:

  1. Não há bacalhau à Braga, mas sim bacalhau à Narcisa. O "à Braga" foi uma forma contornar o problema. Naturalmente isso não faz com que o mesmo não seja de Braga e património da gastrnomia Bracarense que para tal não necessita, nem se restringe, do "à Braga".

    ResponderEliminar
  2. Excelente ideia essa de fazer um percurso/promoção da boa gastronomia de Braga.
    Vamos a isso.....

    ResponderEliminar