sábado, 9 de março de 2013

O regresso ao pódio em dia de brilhar


O Sporting Clube de Braga recebeu e venceu o Maritimo por 2-0. Num jogo marcado pela presença assídua da chuva, foi preciso recorrer à dimensão estética para selar o resultado. O Braga não sofreu golos - algo raro esta época - e marcou dois golos de levantar o estádio, um por Hugo Viana e outro pelo capitão Alan.
Apesar dos guerreiros virem de uma série muito positiva, continuava a denotar-se alguma irregularidade e insegurança dentro das próprias exibições. Esta noite o cenário foi diferente. A equipa apresentou-se segura e apresentando um toque de bola apelativo e dominador. Nem as ausências de Éder, Rubem Amorim e Sasso se fizeram notar, numa equipa em que a estrela foi, uma vez mais, Mossoró. De facto, ninguém o pára e está a realizar a sua melhor época de sempre na capital minhota.
A equipa bracarense dominou bem a primeira parte e entrou a matar na segunda, esbarrando na qualidade evidenciada por Salin, o guarda-redes madeirense. Na segunda metade da segunda parte, após alguns lances de golo iminente desperdiçados pelo Braga, foi o Marítimo a dominar, num jogo em que parecia desaparecido. Como a sorte protege os audazes e efectivamente o maior clube do Minho fez o suficiente para um resultado animador, Alan, já perto do final selou a vitória com um golo de bandeira. Excelente!
A aposta em Carlão para ocupar a posição de ponta de lança foi muito bem sucedida. O avançado, que estava de malas aviadas até à lesão de Éder, teve o golo uma vez no pé e outra na cabeça, em lances que obrigaram o guarda-redes adversário a brilhar. Carlão mexe com o jogo, tanto no meio-campo como nas alas, e diz sempre presente quando solicitado na área. É indiscutivelmente o melhor substituto de Éder na frente de ataque.
Destaque muito positivo para a estreia de Santos, central da equipa B, chamado à titularidade para colmatar a lesão de Sasso. Excelente exibição, acompanhada de mais um azar: Paulo Vínicius, o último central que restava à razia de lesões, também saiu contundido da partida. Já são cinco os centrais lesionados...
Dormiremos novamente no nosso lugar, aguardando que a febre amarela finalmente sucumba.
Sexta-feira há jogo em Barcelos!

Sem comentários:

Enviar um comentário