terça-feira, 12 de março de 2013

Fazer o que está ao seu alcance...

O Presidente da Câmara Municipal de Braga, na sua habitual mensagem de Ano Novo, publicada há pouco mais de dois meses, dizia-se consciente das dificuldades que muitos bracarenses atravessam. "Todos damos conta de que a esperança em dias melhores morre a cada dia no coração de muitos de nós.", dizia acrescentando que a responsabilidade pertencia aos "governantes nacionais" e "dirigentes da União Europeia". 
Mesquita Machado terminava a mensagem referindo que
"sabem que continuarei a fazer o que está ao meu alcance". 
Ora, desde que publicou esta afectuosa mensagem, os bracarenses já viram a autarquia protagonizar medidas, que parecem ir em contrário das intenções manifestadas:

2 comentários:

  1. Cuidado com o que se escreve que acabará como mais um dos que fala para não ficar calado caro jovem. Grande parte desses aumentos recorrem de obrigações nacionais e europeias. Como é o caso do sanemaneto doss veículos e aterro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se recorrem de "obrigações" nacionais e europeia, porque não são devidamente explicados aos cidadãos, mas meramente anunciados pelos jornais?

      Eliminar