domingo, 17 de março de 2013

Bracarenses subiram ao monte de Santa Cruz

© Rui Ferreira 2013


O santuário do Bom Jesus do Monte, erigido sobre a antiga montanha de Santa Cruz, é um local privilegiado para os cristãos viverem o período que antecede a Páscoa. O seu simbolismo está intimamente vinculado à Paixão de Cristo, detendo uma escadaria onde prontificam capelas que recordam os passos da Via Sacra. No penúltimo domimgo antes da Páscoa, os bracarenses são convidados a uma procissão de Penitência ao seu complexo monumental mais admirado em todo o mundo.

Neste que é o maior acontecimento religioso anual no santuário do Bom Jesus do Monte, a imagem original de Cristo crucificado, que costuma estar exposta à veneração numa capela lateral ao templo, é transportada processionalmente para o exterior, onde decorre a missa campal.

Apesar da importância turística se sobrepor, hoje em dia, à dimensão religiosa, outrora o santuário era palco de grandes romarias, uma das quais chegou mesmo a ser considerada a segunda maior festa de Braga, depois do São João. Falamos, pois, da romaria do Espírito Santo, que se realizava anualmente no domingo de Pentecostes. As outras celebrações, realizadas no Bom Jesus, eram a festa da Ascensão e a romaria de S. Pedro. Todas estas festas foram, entretanto, extintas.

Sem comentários:

Enviar um comentário